O Reino Animal – Características.

CIÊNCIAS

EF03CI04 – Identificar características sobre o modo de vida dos animais mais comuns no ambiente próximo.
EF03CI05 – Descrever e comunicar as alterações que ocorrem desde o nascimento em animais de diferentes meios terrestres ou aquáticos, inclusive o homem.
EF03CI06 – Identificar, comparar alguns animais e organizar grupos com base em características externas comuns (presença de penas, pelos, escamas, bico, garras, antenas, patas etc).

Animais semelhanças e diferenças

Observe os quatro seres vivos abaixo com atenção.

Esses seres vivos possuem semelhanças e diferenças.
a) O que há de semelhante em todos os seres vivos acima?
b) O que há de diferença em todos os seres vivos acima?
c) O que há de semelhante entre a criança e o gato?
d) O que há de diferente entre a ave e o lagarto?
e) Dos seres vivos acima quais podem compartilhar o mesmo ambiente?

A locomoção dos animais

A capacidade de locomoção é muito importante para os animais, pois permite que eles procurem alimento e fujam de predadores. Os predadores são os animais que atacam outros para se alimentar. Andar, correr, rastejar, nadar e voar são formas de locomover-se.

Cada animal utiliza as características de seu corpo para se locomover, por exemplo, os peixes usam as nadadeiras, os pássaros as asas, o ser humano as pernas, o tigre as patas etc. Alguns poucos animais não se locomovem, são o caso dos corais e das anêmonas que vivem fixos em um mesmo lugar.

A alimentação dos animais

Todo ser vivo necessita se alimentar para viver. Os alimentos consumidos por cada animal variam conforme suas necessidades. De acordo com os alimentos consumidos os animais podem ser classificados em:

Carnívoros: são animais que se alimentam de carne, ou seja, se alimentam de outros animais, em sua maioria praticam a caça para obter seu alimento. São carnívoros: onça-pintada, leão, jacaré etc.

Herbívoros: são animais que se alimentam de plantas. Exemplos: coelho, coala, panda, cavalo etc.

Onívoros: são animais que se alimentam tanto de carne quanto de plantas. Exemplo: ser humano, lobo-guará, morcego, gambá etc.

A cobertura do corpo dos animais

A pele é um órgão que cobre todo o corpo dos seres humanos. A cobertura corporal dos animais pode ser muito diferente, porém todas servem para proteger o corpo. A pele humana é coberta por pelos. Em outros animais pode haver pelos, escamas ou penas.

As penas das aves além de oferecer proteção, facilitam o voo e as mantém aquecidas. Alguns animais são cobertos por escamas como os peixes e as iguanas. As escamas das iguanas a ajudam a sobreviver em locais secos.
Gatos e cães apresentam o corpo coberto por pelos que os ajudam a se manterem aquecidos.

Os animais terrestres sempre perdem água do corpo através da pele, por transpiração. Se essa perda de água for muito grande, eles podem morrer desidratados. A rã tem a pele fina, úmida e sem escamas, o que facilita a perda de água, portanto, essa espécie prefere permanecer em locais úmidos como rios, lagos ou lagoas. Já as serpentes e lagartos tem a pele coberta por escamas que ajudam a reter a água, pois geralmente elas vivem em ambientes secos.
Esqueleto externo alguns animais possuem um revestimento protetor que forma uma carapaça dura, como se fosse um esqueleto externo. Caranguejos e besouros possuem essa característica.

Nascimento dos animais

Os animais podem nascer de jeitos muito diferentes uns dos outros. O ser humano nasce de uma maneira diferente de um peixe ou aranha, por exemplo.

A tartaruga marinha fêmea cava um buraco na areia da praia para botar seus ovos. Depois, ela cobre os ovos com areia, o que os protege de outros animais. Quando já estão formados, os filhotes saem dos ovos e correm para o mar.
Os filhotes de aves também nascem de ovos, que são abrigados em ninhos. Quando já estão formados, os filhotes quebram a casca do ovo com o bico. Então, eles permanecem no ninho e são alimentados pela mãe até aprenderem a voar. Borboletas e joaninhas botam seus ovos em folhas.

Enquanto a casca do ovo das aves é dura, há outros ovos que são gelatinosos. É o caso dos ovos dos sapos e rãs. Os ovos gelatinosos são botados dentro da água. Desses ovos saem larvas chamadas girinos, que vivem na água e passa por algumas transformações até ficarem adultos parecidos com os pais.

Os filhotes de peixes saem de ovos postos na água ou, em alguns casos, sabem diretamente da barriga da mãe.
Os seres humanos, assim como os gatos e os cachorros, por exemplo, também nascem da barriga da mãe e depois são alimentados pelo leite materno.

 

Acesse o Índice de conteúdos de Ciências para mais textos e atividades.

Veja também:

Animais Vertebrados

Animais Invertebrados.

 

 

   

{formulário de inscrição}

Este post tem 4 comentários

  1. Parabéns pelo site. Gostei das atividades e como é colocada as habilidades. Está sendo muito útil para mim. Obrigada!!!

  2. Leticia Silva

    Excelente site. As atividades são pertinentes e interdisciplinares…Parabéns pelo site!!!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.