Imigração no Brasil na atualidade: os imigrantes ilegais e o refugiados

História 4º ano
A imigração atualmente no Brasil: os imigrantes ilegais e os refugiados

O Brasil continua recebendo imigrantes provenientes de diversos países. Porém, atualmente, a imigração para o país é bem menor do que aquela que ocorreu entre os anos de 1870 e 1930. Os motivos que têm trazidos imigrantes para o Brasil, nos últimos anos, são bastante variados. Por exemplo, a partir de 1980, coreanos e chineses começaram a chegar ao país para viver, principalmente, nas cidades. Muitos deles vieram com o objetivo de montar pequenos estabelecimentos comerciais, como bazares e lojas em bairros centrais.

Atualmente, vivem no Brasil imigrantes de diferentes nacionalidades, como portugueses, japoneses, bolivianos, italianos, espanhóis, argentinos, chineses, uruguaios, estadunidenses, alemães, lituanos, haitianos, cubanos, peruanos, congoleses, angolanos e moçambicanos. Entre os imigrantes que vivem no Brasil estão estudantes, operários, médicos, professores, escritores, atletas, artistas, agricultores, comerciantes, cientistas, investidores e administradores de empresas. Nos últimos anos, cresceram também o número de atletas estrangeiros contratados para atuar em times e clubes brasileiros.

Imigrantes ilegais

Para viver e trabalhar no país em que se fixou, o imigrante precisa ter uma autorização do governo desse país. No Brasil, com essa autorização, o imigrante pode conseguir um trabalho registrado, abrir conta em banco, matricular os filhos em escolas, entre outros benefícios.

 

Porém, é comum ocorrer casos de imigrantes que entram em nosso país de forma clandestina, isto é, sem ter autorização. Esses imigrantes vêm em busca de emprego e melhores condições de vida. No entanto, por causa de sua situação ilegal, geralmente não conseguem um bom trabalho. Para sobreviver, muitos imigrantes passam a prestar serviços em troca de baixa remuneração.

Refugiados no Brasil

Nem sempre as pessoas mudam de país por vontade própria. Em alguns casos, elas são obrigadas a deixar seu local de moradia por causa de guerras, desastres naturais, violência ou perseguição política. Nesses casos, em que os direitos humanos são desrespeitados, chamamos esses imigrantes de refugiados. O Brasil é um país que tem recebido muitos refugiados nos últimos anos.

A condição de refugiados permite que essas pessoas recebam auxílio do governo da região de destino, direito garantido por diversas leis internacionais. Porém, nem sempre essas leis são cumpridas e os refugiados acabam não sendo aceitos ou até mesmo passando por situações de discriminação.

Segundo a ACNUR (agência da ONU que trata dos refugiados) afirma que os refugiados tem direito a proteção e aos mesmos direitos de um estrangeiro que reside legalmente no país, incluindo a liberdade de pensamento, de deslocamento e a não sofre qualquer tipo de tortura ou tratamento degradante.

Algumas iniciativas têm buscado fornecer suporte aos refugiados no Brasil. Uma das dificuldades enfrentadas pelos refugiados no Brasil é aprender o idioma português. Por isso, em algumas cidades, há grupos que oferecem aulas de Língua Portuguesa para essas pessoas.

Mais conteúdo sobre Imigração:

Imigração no Brasil: os imigrantes europeus e as fazendas de café

Os imigrantes nas cidades

O povoamento do Brasil através da imigração

 

 

   

{formulário de inscrição}

Este post tem um comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.